Brasil

Atualização dos nomes dos municípios

Publicado em
A mística São Thomé das Letras perdeu o “h”, e é, agora, São Tomé das Letras

As Alterações dos Topônimos (nomes) dos municípios em sua versão 2019 trazem as seis mudanças mais recentes e todas as anteriores. O IBGE divulgou, hoje (18/05/20), a atualização da lista com as alterações dos Topônimos Legais dos Municípios Brasileiros. Tratam-se dos nomes próprios dos municípios, atualizados periodicamente no banco de estruturas territoriais do Instituto.

A versão atual traz seis atualizações ocorridas no ano de 2019 até janeiro de 2020. A relação se encontra em formato de planilha excel e ainda apresenta as 121 alterações anteriores, contendo o nome anterior do município, o nome atual, o motivo da alteração e data em que a denominação foi alterada no cadastro do IBGE.

Os municípios que tiveram os nomes atualizados foram Campo Grande (anterior: Augusto Severo, no Rio Grande do Norte), Chavantes (anterior: Xavantes, em São Paulo), Dona Euzébia (anterior: Dona Eusébia, em Minas Gerais), Ereré (anterior: Ererê, no Ceará), São Tomé das Letras (anterior: São Thomé das Letras, em Minas Gerais) e Tabocão (anterior: Fortaleza do Tabocão, em Tocantins).

Os topônimos refletem e perpetuam um pouco da história e cultura local, ao remeter a um fato ou pessoa de relevância durante o processo de ocupação, ou então ao retratar o sentimento de pertencimento e identidade com o território.

As novas denominações passam a integrar todos os documentos geográficos e estatísticos elaborados pelo IBGE, tais como: os Mapas Municipais das Estimativas Populacionais, Base Cartográfica Contínua da Unidade da Federação, Base Cartográfica Contínua do Brasil ao Milionésimo – BCIM, Infraestrutura Nacional de Dados Espaciais (INDE), IBGE Cidades, Brasil em Números, Anuário Estatístico, além do SIDRA. (Fonte: IBGE – Foto: TripAdvisor)

Clique para comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Visitadas

Topo