Cidade e Região

Câmara de Teófilo Otôni paga férias em altos valores

Publicado em
Câmara Municipal de Teófilo Otôni: muito dinheiro do povo fazendo a festa

Observadores da Câmara Municipal de Teófilo Otôni-MG estão considerando como “mais imoralidades vindas da casa legislativa os benefícios concedidos a três servidores, e que se direcionam somente aos amigos íntimos do presidente Fábio Lemes”. Segundo os denunciantes, desta vez o vereador elegeu três servidores, dois deles comissionados, para serem beneficiados com “um mimo, uma benesse muito generosa”.
Trata-se, segundo a fontes, do benefício de aquisição de férias regulamentares, “um expediente que não é usual naquela casa de leis e que agraciou no mês de março do corrente ano três servidores.
Um dos beneficiados é Jayme Freitas França, ocupante do cargo de provimento em comissão de chefe de Gabinete da Presidência da Câmara Municipal de Teófilo Otôni – MG, uma espécie de diretor geral da casa. “Na realidade, ele desempenha as funções de faz tudo do presidente, percebendo um salário mensal que ultrapassa a casa de R$ 9.000,00, mesmo sem ter concluído o ensino médio e muito menos ter cursado uma universidade”. Prosseguindo, as mesma fontes dizem que ele “é agraciado também com a venda de férias regulamentares, pelas quais teria recebido quase R$ 13.000,00 dos cofres do legislativo municipal”.
O mesmo benefício teria sido estendido também à servidora Luíza Maria Gomes Laubert, ocupante do cargo de provimento em comissão de diretora financeira da Câmara. Ela foi indenizada no mesmo patamar que seu colega servidor, recebendo R$ 12.741,01 (vide relatório oficial da Câmara no final da matéria), para desespero do contribuinte municipal, que é obrigado a pagar a conta das decepcionantes decisões do presidente da Câmara Municipal.
Outro caso que violenta o bolso do povo de Teófilo Otôni é o da servidora efetiva Rosângela Pereira dos Santos. Ela recebeu R$ 37.352,76 por férias prêmio (vide relatório oficial no final da matéria).
“Com essas mamatas, a CMTO se torna uma terra sem coerência e sem respeito para com os munícipes desta pobre cidade, que são abandonados nas filas do SUS e na falta de infraestrutura básica cidade a fora, enquanto poucos são beneficiados. Uma vergonha!” – concluem os denunciantes.

(Fonte: Cidadãos de bem preocupados com o uso do dinheiro do povo – Foto: YouTube/Reprodução)

Clique para comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Visitadas

Topo