Cidade e Região

EDITORIAL – Teófilo Otôni, “como dói!”

Publicado em
A Prefeitura não fiscaliza, e o responsável pela reforma da loja suja tudo

Os anos passam, as administrações se sucedem, e os cuidados com a cidade continuam sem acionamento por parte das autoridades locais competentes. Teófilo Otôni-MG só não continua a mesma de 70 anos atrás porque a urbanização natural força o crescimento. Mas, os problemas também crescem por ausência absoluta de uma política séria e competente por parte do Poder Público Municipal, sempre mais preocupado em fazer arranjos de sustentação no ápice da cadeia de mando.

Teófilo Otôni, se já tem ruas pavimentadas (muitas delas em claro confronto com as normas ambientais) em contrário às ruas de terra, peca insistentemente em manter o abandono, configurado na sujeira, na fealdade e na invasão comercial de suas vias.

Só como ilustração, a Av. (avenida?) de Dr. Sidônio Ottoni é um cartão postal indesejável, com quebra-molas (exagerados em quantidade e altura), terra no piso, poeira,  falta de passeios e muita desorganização arquitetônica dos imóveis.

A sujeira se espalha por toda a cidade, inclusive pelo hipercentro, onde o comércio ambulante não apenas ocupa os mal cuidados passeios (impedindo, muitas das vezes, a passagem dos pedestres), mas também colaborando com a disseminação de lixo.

De arborização e jardinagem precárias, a cidade viu nas administrações de Getúlio Neiva e Daniel Sucupira a supressão de árvores e plantas menores, com implantação de concreto em seus locais.

Teófilo Otôni é, hoje, um dos últimos locais que uma pessoa de bom senso escolheria para morar, pois oferta uma das piores qualidades de vida do país.

Como Itabira na saudade de Carlos Drummond de Andrade, Teófilo, na realidade, “é uma fotografia na parede. Mas, como dói!” (Texto e fotos: Jornalista profissional José Gonçalves Cangussu)

Sem ter onde ganhar o sustento da família, o micro comerciante vem para o passeio
Já que no passeio já há outro vendedor, esse foi para a rua
Estacionamento de bicicletas é no passeio mesmo
Clique para comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Visitadas

Topo