Cidade e Região

Falecido vice-prefeito de Teófilo Otôni acusado de furtar promissórias

Publicado em
Rivelino Bispo

Explodiu como uma grande bomba o vídeo divulgado por Rivelino Bispo, de Teófilo Otôni-MG, nas redes sociais. Nele, Bispo acusa o falecido médico José Roberto Corrêa, vice-prefeito do município, de lhe ter furtado algumas notas promissórias emitidas por clientes do setor imobiliário. “Quando fui executar as dívidas das notas promissórias que pertenciam a mim, com alguns clientes”, diz Bispo, elas já não se encontravam na gaveta de seu birô, que fora, segundo ele, utilizado por José Roberto Corrêa.

As acusações avançam sobre João Bolinha, irmão do falecido, que, conforme Rivelino Bispo, teria efetuado a cobrança das notas promissórias junto aos emitentes.

De acordo com o denunciante, Corrêa lhe pedira dinheiro emprestado, pois dois de seus filhos – Bruno e Bebeto – estavam se formando em Medicina e ele precisava de fundos para cobrir as despesas. Em suas acusações, envolve ainda os hoje médicos, mandando-os tomar “vergonha na cara” e pagar a dívida do pai.

O denunciante informa, ainda, que o acusado costumava tomar dinheiro emprestado junto aos ciganos. Se confirmada, essa declaração constituir-se-á em importante peça de defesa do prefeito Daniel Sucupira diante das acusações de prática de caixa 2 com dinheiro emprestado exatamente junto aos ciganos, com intermediação de Corrêa. 

Por não poder se defender da acusação de furto, José Roberto Corrêa possivelmente terá sua imagem defendida pelos familiares, na busca de estabelecer uma outra versão que não a narrada por Rivelino Bispo.

O acusado José Roberto Corrêa era filho de Francisco José Corrêa (“Chiquito”), de ascendência portuguesa e maior ruralista da região na época, detentor da maior fortuna do Vales do Mucuri, São Mateus e Jequitinhonha. Foi responsável pela ascensão econômica portentosa de diversos de seus empregados, que se tornaram também grandes fazendeiros.

Clique para comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Visitadas

Topo