Esportes

Record vence no ibope e deixa Globo em 2º, com Fla x Flu

Publicado em
William Arão, do Flamengo, se esforçou, mas deu Tricolor das Laranjeiras

A transmissão da vitória do Fluminense sobre o Flamengo, no último domingo (06/02/22), por 1 x 0, levou a TV Record a um feito inédito em seus 68 anos de história, diz o colunista Ricardo Feltrin, a UOL. E coroa: “A emissora derrotou a Globo em sua própria casa —num domingo —, no Rio de Janeiro.”

O colunista acrescenta que “os dados são da medição ‘real time’ (prévia) da Kantar Media”, mas que não tem acontecido de diferirem dos números finais.

“No horário da partida, a Record marcou 15,3 pontos, contra 13,5 da Globo. Cada ponto no Rio, pela medição da Kantar Media, equivale a cerca de 48 mil domicílios. Atrás da Globo, em 3º lugar, ficou o SBT (4,0 pontos), seguida por Band (0,8). A RedeTV deu ‘traço de ibope’ nessa faixa” – informa Feltrin.

“Além do Rio, a Record também ‘humilhou’ a Globo com a exibição de partida com mais de o dobro de ibope, no DF (14,7 x 6,4). Venceu ainda em Goiânia (9,5 x 5,3), Vitória (18,8 x 7,7) e Manaus (14,2 x 8,2 pontos)” – enumera o colunista.

Hoje, os direitos de transmissão dos campeonatos Carioca e Paulista são da TV Record.

LIDERANÇA ATÉ NO PNT

“Com a exibição desses campeonatos regionais, a Record TV obteve um outro resultado inédito: liderou a audiência por 40 minutos, em pleno domingo, no PNT (Painel Nacional de Televisão), com a Globo em 2º. Nessa medição da Kantar Media, cada ponto de ibope equivale a cerca de 260 mil domicílios. São monitorados domicílios nas 15 maiores regiões metropolitanas do país” – finaliza Ricardo Feltrin. (Fonte: Ricardo Feltrin/UOL – Foto: Gilvan de Souza/Flamengo/Reprodução)

Clique para comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Visitadas

Topo