Política

Teófilo Otôni decola com “Dignidade Menstrual”

Publicado em

Segundo alguns moradores, “Teófilo Otôni, agora, decola”.
Situada no Vale do Mucuri, em Minas Gerais, a cidade, que já foi a “Capital Mundial das Pedras Preciosas”, agora, será a “Capital Mundial da Dignidade Menstrual”.
Protocolado sob nº 445, às 13h19 do dia 25 de outubro de 2021, um projeto de lei (nº 195/2021) criando o “Dia Municipal pela Dignidade Menstrual”, foi encaminhado pela presidência da Câmara Municipal à Comissão de Legislação e Justiça no dia 8 de novembro, e aguarda parecer. O autor do projeto é o vereador Sérgio Marcos Franca Cardoso, do PT, claro… Não poderia ter partido de um edil de outra legenda política.

O PROJETO
O projeto de lei do parlamentar, que era secretário de Agropecuária e Abastecimento do prefeito Daniel Sucupira na administração anterior, não demonstra qualquer preocupação com o setor rural por parte de Sérgio Franca. Aliás, o ex-secretário não atentou para valer com os problemas do campo sequer quando era titular da pasta.
Em seu artigo 1º, o material institui e inclui no Calendário Oficial de Eventos do Município o “Dia Municipal pela Dignidade Menstrual”.
Veja o fac simile da obra de arte do vereador petista.

IDIOTICE
Um morador de tradicional família de Teófilo Otôni, com formação superior e alto nível intelectual, assim se manifestou sobre a iniciativa do petista: “É um absurdo, vereadores que custam cerca de R$ 50.000,00 por mês ao contribuinte ficarem gastando a nossa paciência com uma idiotice dessa! Seria melhor colocá-los para tapar buracos que abundam nas vias públicas.”
Na realidade, o projeto tem nada a ver com os interesses da base eleitoral de Franca. Ele simplesmente se agarra à mentalidade petista de se inserir em assuntos fora de órbita. (Foto: Câmara Municipal de Teófilo Otôni/Reprodução)

Clique para comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Visitadas

Topo