Saúde e Beleza

Vacinas aprovadas; começa a vacinação no Brasil

Publicado em
Meiruze Souza Freitas, relatora da aprovação do uso emergencial de vacinas

Ontem (17/01/21), finalmente o Brasil viu ser aprovado o uso emergencial das vacinas CoronaVac e AstraZeneca/Oxford por parte da Anvisa. Numa reunião que durou mais de cinco horas, a direção da entidade, por unanimidade de seus membros, abriu as portas para que seja iniciada a vacinação no país.

A primeira vacinação em solo brasileira foi da enfermeira Mônica Calazans, de 54 anos de idade. A vacinação prosseguiu, com imunização de mais de 100 outros profissinais da área de Saúde, todos em São Paulo.

Os governadores já receberam a cota de vacinas que cabe a seus estados, para que mobilizem seus sistemas de logística e possam iniciar a vacinação em sua administrações.

A Região Sudeste ficou com 2.524.360 doses, cabendo a Minas Gerais a cota de 577.680. O Espírito Santo recebeu 101.320 doses.

MINEIRA DE JORDÂNIA

A relatoria do processo para aprovação do uso emergencial da vacinas Coronavac e AstraZeneca/Oxford no Brasil coube a Meiruze Souza Freitas, diplomada em Farmácia pela Universidade Federal de Minas Gerais e concursada da Anvisa. Ela é natural da cidade de Jordânia-MG, no Vale do Jequitinhonha.

Segundo informações nas redes sociais, seus pais residem, hoje, em Almenara-MG. (Fonte: Ministério de Saúde e redes sociais– Foto: Só Notícia Boa)

Clique para comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Visitadas

Topo